Como comprar um computador para Linux

Se você gosta de você mesmo, recomendo que leia todo o artigo, pois você economizará tempo, saúde e dinheiro. Ajudarei a não se arrepender do que comprou. Resumindo, o que importa é a marca e não o modelo.

  • Não compre placa-mãe com chipset VIA ou SiS, pois são os piores e não terá aceleração 3D, ou seja, nada de efeitos legais. No caso do chipset SiS nada funcionará direito.
  • Não compre notebooks baratos da Positivo e CCE, pois os dois não funcionam no Linux (mesmo que eles venham com alguma distribuição Linux).
  • Não compre computadores em supermercados, pois você não pode personalizar e os vendedores não entendem nada de nada.
  • Não compre o computador mais bato da loja, não seja iludido pela quantidade de memória ou HD, são tão baratos que se for realmente necessário você poderá comprar depois.
  • Não compre placas de vídeo ATI (de acordo com os boatos, os drivers são mal feitos).
  • Não compre webcams que não possuam o selo “Compatível com Windows Vista” e pergunte ao vendedor se para instalar no Windows Vista precisa da algum driver, se precisar de driver, não compre.

Agora que você já sabe o que NÃO pode comprar, agora vamos para o que você PODE comprar.

  • Primeiro, e o mais importante, só compre computador com chipset Intel, pois fará que tudo funcione automaticamente (a Intel contribui e muito para o kernel Linux, por isso tudo funciona perfeitamente), mas se você gosta de AMD o jeito é uma placa-mãe com chipset ATI ou NVIDIA (que na maioria das vezes precisam de instalar um driver para funcionar o 3D, mas dê preferência ao NVIDIA).
  • Se você gosta de jogos, compre uma placa de vídeo NVIDIA.
  • Se você usa internet via rádio compre uma placa de rede sem fio com chip Ralink, Realtek ou Atheros.
  • Só compre impressoras HP.

Desta maneira você tirará o melhor proveito do seu Linux, tudo automatizado, ou seja, parecerá que o mundo da informática é perfeito. Acima falei sobre as coisas que podem causar os problemas mais comuns e a melhor marca:

  • Placa-mãe: chipset Intel
  • Placa de vídeo: NVIDIA
  • Webcam: 100% compatíveis com o Vista
  • Placa de rede sem fio: Ralink, Realtek ou Atheros
  • Impressoras: HP

Nada substitui uma boa pesquisa ou experiência própria, mas não confunda coincidência com a realidade, ou seja, se a maioria dos produtos de uma empresa não rodam bem no Linux, não arrisque comprar, pode dar errado. Você pode estar pensando que se montar um computador seguindo tudo que está neste artigo o mesmo ficará caro, mas isso não é verdade. Um bom computador deve custar no máximo 30% a mais que o computador péssimo (estou falando de um computador com a mesma quantidade de memória, HD, etc. O que muda é a qualidade e o melhor suporte ao Linux ou até mesmo ao Windows).

Exemplo: se um computador péssimo custa R$ 1.000,00 um bom custa R$ 1.250,00 (com a mesma quantidade de memória e HD). Esse é o preço da qualidade. O mais provável é que você só consiga montar um computador bom se NÃO comprar em supermercado, pois assim você poderá escolher peça por peça.

Se você for comprar uma novo hardware para seu computador que não consta neste artigo e você tem certeza que a maioria do computadores não tem, pesquise antes ou peça ajuda em fóruns. Caso não tenha entendido tudo que eu disse, imprima esse artigo e mostre para o vendedor de uma loja de informática e ele fará um orçamento para você, nesse momento é que se escolherá a potência do seu computador, mas não esqueça do que eu disse: o que importa é a marca.

Anúncios

9 comentários sobre “Como comprar um computador para Linux

    • Boa noite Ricardo,

      Gostei de sua dica, bom para não perder tempo procurando por uma solução que não existe, mas minha dica não serve somente para Linux.

      Achei seu blog muito legal (tem várias coisas que não sabia), assim que tiver tempo vou ler ele todo.

      Obrigado por seu comentário.

      Curtir

  1. Olá Rafael,

    Parabéns! Artigo bem escrito. Claro e objetivo, como todo usuário recém chegado no mundo do GNU/Linux deve encontrar.

    Gostei da ideia conceitual do seu blog. A comunidade precisa de mais pessoas que se importam com o auxílio na área de migração.

    Valeu

    \__/
    (oo)
    _||_
    erick

    Curtir

    • Boa tarde Erick,

      Na minha opinião, o que falta para a plataforma Linux ter mais aplicativos e maior suporte hardware é aumentando o número de usuários.

      Nenhum sistema operacional tem um suporte a hardware tão bom quanto o kernel Linux, mas com a ajuda dos fabricantes podemos podemos leva-lo a um ponto em que o Windows NUNCA chegará, “o verdadeiro Plug and Play”. Coloque uma coisa na cabeça: isso só é possível com o software livre, onde o próprio fabricante ou usuário implementa o recurso.

      Mais usuários é sinônimo de mais software e mais hardware compatível. Gando as pessoas mudam o mercado é OBRIGADO a seguir.

      Obrigado por seu comentário.

      Curtir

  2. Rafael, você colocou: Placa de rede sem fio: Ralink, Realtek ou Atheros

    Cara, Realtek? Sinceramente eu tenho uma Realtek no meu notebook e não consegui fazer funcionar legal no Ubuntu. Para conectar a rede eu tenho que estar no mesmo comodo que o roteador… então… Realtek NÃO É RECOMENDÁVEL.

    Curtir

  3. Eu tenho um notebook,Positivo, alias agora ele é clevo mesmo, retirei aquela propaganda tosca da positiva todinha dele, ele agora não tem marca nenhuma, nem o
    carregador/fonte era deles – vergonha – . Bom neste notebook, de 1 GB de ram, já rodou tudo, Kubuntu, Ubuntu, Mandriva o ultimo (comercial – PowerPack).
    Não uso computador para jogo, uso para trabalhar…acho que para jogos “talvez” ai estejam muitos problemas…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s