O mito do carro movido a água

Você já deve ter ouvido falar que criaram um carro movido a água. É só botar água no tanque e sair rodando. Muito bom né? O carro movido a água é uma revolução. Só não é fabricado por que causa que a indústria do petróleo mata quente conseguir fazer um. Eles são maus, são capitalistas do mal.

Ah vá, você acredita mesmo nessa conversa fiada? Você acha que se isso fosse viável já não existia no mercado? Não acredite em nenhuma teoria de conspiração aonde existem malzinhos e bonzinhos, sendo que “bozinhos” é o cara que está tentando te convencer e os malzinhos são “eles”! É assim que os malucos conspiradores se referem ao que não existe “eles”. “Eles” é o governo, “eles” é a indústria, “eles” são os Illuminatis e os Reptilianos. Enfim, você já deve ter entendido.

A moto movida a água não passa de uma moto elétrica. A única diferença é que é feito um trabalho desnecessário de aproveitar o motor a gasolina, ao invés de usar um motor elétrico.

Rafael, você é maluco? A moto não é elétrica, é movida a hidrogênio que sai da água.

Sério? Como é feito esse hidrogênio? Isso não é de graça, custa energia elétrica.

É impossível fazer com que a própria moto ou carro carregue a bateria com o próprio movimento. Já que para andar ela está gastando a energia da bateria.

Se mesmo assim você continua duvidando do que eu disse, no final deste artigo você encontra o link para a explicação de especialistas. Até mesmo o criador do sistema disse que é impossível a moto não precisar ser recarregada na tomada. O máximo que podem tentar fazer é adiar a recarga.

Além da moto ou carro que roda só com água, também existe a moto que anda com água e gasolina ao mesmo tempo. Esse eu não posso afirma muita coisa, pois talvez a gasolina seja suficiente para realmente gerar o hidrogênio para o motor.

Uns dizem que isso faz economizar gasolina, outros dizem que só é perda de tempo e dinheiro. O que você acha? Deixe seu comentário. Contribui com a discussão do assunto. Responderei suas dúvidas, dentro do possível.

Gostou? Quer que meu trabalho continue? Inscreva-se no meu canal no YouTube para assistir meus vídeos.

Fontes:

  1. Leitores questionam veracidade de moto movida a água
  2. A farsa do carro movido a água
  3. Coisas que “eles” não querem que você saiba
  4. Brasileiro inventa um carro movido a água! Será verdade?
Anúncios

Radar: Como não ser multado

O método que eu vou descrever aqui é ilegal. Em hipótese alguma eu estou recomendando que você faça e, caso faça, você é o único responsável pelas possíveis consequências. Meu objetivo é apenas alertar.

Nesse meu vídeo eu ensino como funciona a maioria dos radares e como não ser multado. Essa é uma forma simples que não exigem modificação no veículo.

Está rolando na internet um vídeo ensinando a como modificar a placa do seu carro para não levar multa quando passar no radar.

Cadê esse vídeo, Rafael, mostra ai, eu quero ver, estou louco para não levar mais multas.

Calma ai! Trata-se do vídeo logo abaixo, mas antes que você assista eu preciso te alertar o porque de eu não recomendar que você faça isso.

 

Motivo 1. É muito óbvio: Você não deve modificar a placa do seu carro, isso não é permitido.

Motivo 2. Antes de eu falar sobre o motivo 2, eu tenho que te explicar como é feita essa modificação. A placa do seu carro ou da sua moto é refletiva. Quando a luz bate nela ela acende, as letras e números ficam bem legíveis. A modificação que é feita na placa é para que os números não fiquem legíveis quando o radar tirar a foto. A placa vai ficar toda acesa e os números vão sumir.

Uma pessoa que olhar para a placa não vai saber que ela esta modificada, pois os números continuam pretinhos como antes. Mas como é que eu deixo os números ilegíveis para o radar? É simples, basta colar um adesivo refletivo preto com o desenho exato dos números. É só um adesivo cortado em plotter, só isso. Adesivo refletivo de cor preta.

Esse adesivo refletivo é do mesmo usado em placas de estrada que acendem quando a luz do farol do carro bate nelas. Para uma placa ser legível, o preto não pode ser refletivo, se não tudo acende, por isso a placa do seu carro recebe um tinta preta opaca por cima de cada número.

Agora vamos ao Motivo 2 de eu não recomendar que você faça essa modificação. Durante o dia ninguém vai saber que sua placa foi modificada, ninguém, nem a polícia, mas a noite é outra história.

Imagine a seguinte situação. Você está andando com seu carro na rua à noite e logo atrás de você vem uma viatura da polícia. Os policiais podem estranhar o fato de seu carro não ter números na placa.

Rafael, você disse que ninguém, nem mesmo a polícia iria saber que a placa foi modificada.

Sim, mas só durante o dia. Quando a luz do farol da viatura refletir na placa do seu carro, o efeito será o mesmo do radar, os policiais não vão ver o número.

Se você fizer o processo em todas as letras e números da placa do seu carro, talvez eles não desconfiem, pois quando a luz pegar em outro ângulo, o número da placa voltará a ser legível. Ou seja, talvez passe despercebido. TALVEZ TALVEZ

Minha pergunta é: Você vai correr o risco? Vai?

Motivo 3. Eu acredito que durante o dia você ainda será multado pelo radar, mas isso é só uma dúvida minha, não quer dizer que não dê certo.

Por enquanto é só. Inscreva-se no meu canal para acompanhar os vídeos que eu vou lançar em breve. Deixe seus comentários com suas dúvidas. Não importa o que está na sua mente agora, eu quero saber, comente ai. Comenta.

Gostou? Quer que meu trabalho continue? Inscreva-se no meu canal no YouTube para assistir meus vídeos.

Para acompanhar todas as besteiras que passam pela minha cabeça, você pode me seguir no Facebook:

Facebook.com/0800Rafael